Para quem tem um e-commerce, a temporada de férias é um período crítico para o negócio. Muitas empresas que não sabem aproveitar a oportunidade desses dias têm uma grande queda nas vendas. Já as que utilizam as férias ao seu favor, colhem os frutos do sucesso. E se você não quer prejudicar o seu site durante as férias, confira esses cinco erros que você não deve cometer:

1.      Não fazer nada de novo durante o período de férias

Os donos de pequenas empresas precisam ajustar seus gastos e estratégias de marketing de anúncios para as férias para se manter competitivos. Se você normalmente não faz nada de diferente neste período, nem mesmo um novo anúncio, comece a pensar diferente.

2.      Criar muitas etapas para o usuário

Durante as férias, é importante reduzir o número de coisas que os compradores precisam fazer, preencher e ler. Você pode desativar itens como o cadastro para comprar determinado produto. No período de férias, as pessoas querem algo menos democrático e demorado, dando preferência à facilidade e rapidez.

3.      Não orientar cliente

É importante orientar os seus clientes para o que eles estão comprando no site. Algumas dicas especiais podem ajudar seus clientes a encontrar o que precisam. Você também pode criar uma página específica de feriado, com conteúdos especiais sobre como os seus produtos ou serviços podem ser importantes neste período do ano.

4.      Não otimizar as datas de entrega e políticas de devolução

Se os clientes percebem que seus produtos não vão chegar a tempo de uma viagem, por exemplo, eles abandonam o carrinho de compras. Defina uma data de entrega para as férias, e reforce-a em seu site e através de e-mails marketing.

Também é importante ter uma política de devolução clara e dar às pessoas mais tempo do que o normal para elas fazerem as devoluções ou trocas durante as férias. Seus clientes vão se sentir mais seguros com a sua compra dessa forma.

Ao evitar esses erros críticos, você pode ter um período de férias bem rentável para o seu negócio.

Continue acompanhando o blog da Comunicas e aprenda mais estratégias especiais para o seu e-commerce.

Comentários