O tão aguardado Facebook at Work, “Facebook no Trabalho”, será lançado em 2015. Semelhante ao LinkedIn, o novo site focará no desenvolvimento de networking em relações profissionais. Basicamente, o Facebook no Trabalho será parecido ao que a rede social é atualmente. A única diferença? Permite aos usuários conversar com colegas de trabalho, conectar-se com contatos profissionais e compartilhar documentos.

A empresa está atualmente em fase de testes, e a fase piloto deverá continuar por pelo menos mais alguns meses antes de ser liberada para o público. O truque será manter esse serviço no site do Facebook – mas o suficientemente separado, para que os usuários se sintam confortáveis ​em expor sua vida pessoal sem que ela se misture com o lado corporativo.

Concorrentes à vista

O novo serviço também vai mudar a maneira como Facebook é percebido por outras empresas de tecnologia. A plataforma Facebook no Trabalho pode se tornar um concorrente direto do LinkedIn, Microsoft, Google, IBM e outros.

Tendo em conta que o Facebook já tem 1,35 bilhão de usuários que acessam a rede de mídia social a cada mês, tudo está bem cotado para que a plataforma seja alavancada por um número alto de usuários, também. Os próprios funcionários do Facebook já usam a rede social para colaborar internamente.

Atualmente, os profissionais de escritório usam uma mistura de programas de computador para conversar online com os colegas e compartilhar documentos, incluindo o Office 365, Sharepoint, Google Drive, Dropbox, AIM e Yammer. Há também o LinkedIn, que já faz um excelente trabalho em categorizar os colegas de trabalho e ligá-los uns aos outros. Mas não há nenhum recurso de bate-papo ao vivo e de colaboração existente, e é aí que o Facebook quer começar a jogar.

Então, quais as suas expectativas para essa nova plataforma do Facebook?

Continue acompanhando o blog da Comunicas e fique por dentro de todas as novidades do Facebook e do mundo digital.

Comentários