Por muitas e boas razões, o blog é provavelmente o coração da sua estratégia de marketing de conteúdo. Estatísticas recentes do mercado surpreendem: 77% dos usuários da Internet leem blogs, 52% dos consumidores tomam decisões de compra depois de ler o conselho de um blog, e 57% dos comerciantes ganharam novos clientes através de seus blogs.

Com tanto foco em como fazer conteúdo atraente para o blog, outros métodos eficazes para são muitas vezes ofuscados. Se você tiver atingido um impasse em números de tráfego ou você está pronto para dar ao seu site um grande impulso, alinhar as estratégias de conteúdo no seu plano de marketing pode lhe dar uma série de benefícios, incluindo:

  • Maior visibilidade dos motores de busca, o que resulta em classificações mais elevadas.
  • Estabelecer credibilidade como um especialista em seu setor.
  • Oportunidades para se conectar com seu público-alvo, o que aumenta a facilidade de engajamento e lealdade.
  • Postar sobre essas novas peças de conteúdo é uma ótima maneira de apresentá-los para os seus leitores, bem como criar links internos para o conteúdo secundário em seu site.

Grande segredo: Soluções reais para problemas reais

A autopromoção descarada é geralmente desaprovada pelos motores de busca e leitores. No entanto, estudos de caso e informações importantes permitem que você se gabe um pouco enquanto ainda oferece soluções valiosas para os problemas da vida real. Um estudo de caso centra-se em um ou mais clientes que se beneficiam de um produto ou serviço específico, e você mostra isso para o público.

Pense nisso como uma história de sucesso inspiradora, não um passo de vendas. Isso orienta os leitores através de um problema, oferecendo-lhes soluções e informações essenciais para que eles possam tomar uma decisão bem informada. A intenção geral deve ser a de se conectar com seus clientes e compartilhar seus conhecimentos.

Gostou desse post? Continue acompanhando o blog da Comunicas e fique por dentro de muitas outras novidades e informações importantes para o seu negócio na Internet.

Comentários